Por que você tem larica?

Alguma vez você já se perguntou o porque muitas pessoas sentem tanta fome depois de fumar maconha? Pois é, se você nunca pensou sobre isso, ou então se já se perguntou mas ainda não sabe, fizemos questão de buscar respostas pra vocês !

O processo da sensação de fome que acontece após o uso da Cannabis é popularmente conhecido como Larica! Segundo pesquisadores da Universidade de Yale e estudos realizados pela Washington State University a resposta parece estar no nosso conhecido THC . Quando o estômago está vazio, é liberado um hormônio chamado Grelina, que envia uma mensagem pro cérebro de que é hora de procurar comida. Após a administração de doses de extrato de cannabis durante um dos estudos, percebeu-se desencadear um surto de grelina, sugerindo que é hora de comer.

Os pesquisadores monitoraram os caminhos neurais responsáveis pela regulação do apetite em camundongos . Foi descoberto que o THC, após entrar na corrente sanguínea, encontra no cérebro grande afinidade com receptores (principalmente CB1) de Canabinóides presentes nas células do Sistema Nervoso Central, fazendo com que circuitos neurais responsáveis pela saciedade sejam “ desligados”. As descobertas indicam que os responsáveis são os neurônios PVH MC4R que, quando bloqueados, fazem o cérebro acreditar que a pessoa ainda está com fome.

Apesar de soar somente como uma mera curiosidade, os cientistas do ramo ficaram entusiasmados com o avanço no entendimento do processo, já que as descobertas podem sugerir novos tratamentos para aumentar o apetite de pacientes que tratam doenças como anorexia, câncer (quimioterapia pode provocar perda severa de apetite), HIV, doenças do coração e de pacientes com alterações metabólicas. Além de tudo, o THC aguça a percepção dos bulbos olfatórios. Esse processo coloca o organismo em um grau apurado de sensibilidade para o olfato e também para o paladar, assim, cheiros e sabores ganham mais relevância no cérebro, estimulando a vontade de comer.

E você!? Tem alguma curiosidade ou algum caso legal sobre Larica?
Conta pra gente !

Fonte: ScienceDaily/WNPR/Terra/Yale