Bafômetro de maconha

Em boa parte do mundo o consumo da erva sagrada, tanto em âmbito medicinal quanto o uso adulto recreativo, já são realidade e compreendem uma regulamentação para que o Estado tenha controle.

Diante deste novo cenário, os cientistas criaram um instrumento que acreditam ser útil no consumo seguro da cannabis, o bafômetro para maconha.

A Escola de Engenharia de Swanson, localizada nos Estados Unidos, criou um protótipo de bafômetro que é capaz de reconhecer o princípio ativo da cannabis.

Acontece que, é possível medir a quantidade de THC consumido através da respiração de quem bafora o instrumento, mas ainda não existe previsão de quando será colocado em uso nas ruas.

O aparelho foi criado através de uma nova tecnologia que envolve um semicondutor de nanotubo de carbono, algo considerado recente nessa esfera tecnológica.

O bafômetro reconhece o THC com base no tempo de recomposição das correntes elétricas, mesmo quando há outro tipo de substância no corpo.

Segundo dados, o estado de Washington, Califórnia, Nevada e Colorado tiveram aumento no índice de acidentes de trânsito desde a legalização da cannabis.

Para os cientistas, o bafômetro de maconha será de grande importância no futuro na prevenção de acidentes de trânsito.
E você, o que acha disso? Ganjalize-se.

Fonte: Hempadão